Adoro o som do piano, mas só é capaz de tocar uma boa música se amar o instrumento assim como ama a sí mesmo, só é capaz de transmitir o que a melodia necessita se tratar o piano como um amante.
Bonito é ver o músico sofrer junto com as teclas, a música ultrapassa as pequenas estruturas de madeira entra pela ponta dos dedos firmes e precisamente posicionados e o faz sentir, o faz se contorcer, se levantar, se debruçar. Eu me torno um voyeur, aprecio cada músculo se contraindo, cada tecla se movimentando, cada nota pairando no ar como se fossem fruto de um orgasmo musical, e verdadeiramente são. Creio que o prazer de um pianista ao tocar seja o mesmo que o de um escritor ao escrever, mas quem sou eu para mensurar?Talvez seja imensamente maior , na verdade parece imensamente maior.