Tenho a impressão de que as pessoas entendem minha não-religiosidade como um meio de eu me tornar 'o menino mais legal do parquinho'. E isso é tão verdade quanto a teoria que prova a existência de Deus.
Muita gente acredita que o ateísmo é estupidez, acreditam que não é possível viver sem Deus, que não é possível que um ser humano acredite que não há nada que o tenha criado. Agora eu lhe pergunto. Você é um robô? Você realmente acredita que a sua vida está escrita num pedaço de papel celestial? Que você foi criado e programado por um ser tão velho quanto o tempo que fica sentado nas estrelas com um caderninho, anotando as coisas boas ou ruins que você faz durante vida? Sim? Então eu sinto muito. Mas espere, você deve estar pensando "Mas eu não acredito nisso, eu acredito que Deus..." PARE POR AÍ!
Há quem diga que acredita em Deus porque a ciência não é capaz explicar muitas coisas. Você vê sentido nessa frase? Sim? Então eu sinto muito.
Há quem diga que a religião é o único caminho para convivermos em harmonia, com amor, "perseverando". Você realmente acredita nisso? Então eu sinto muito.
Há quem diga que haverá um julgamento para os vivos e para os mortos em alguns anos e que eu irei para o que os mesmos chamam de 'inferno'. Você realmente acredita nisso? Então eu sinto muito!
Há quem diga que toda desgraça que ocorre no mundo é fruto da 'ira de nosso criador'. Você realmente acredita nisso? Então eu sinto muito.

Há quem diga... há quem diga... há quem acredita! Onde está quem prove?
Achou alguém?
Você realmente acredita nele?
 Então eu sinto muito!
Tentar provar a um ateu que Deus existe, é como tentar provar a um adulto que engatinhar é muito melhor que andar. Mas tente, eu sou ateu, discuta comigo, é de graça!

Mais uma coisa, ser ateu não é apenas não acreditar em um deus, ser ateu é estar constantemente buscando conhecimento, é estar pronto para discutir, é ficar extremamente horrorizado com o pensamento alheio, é tentar ajudar o mundo a ser um lugar melhor e ser taxado como louco numa sociedade de loucos legitimados como sãos. Ser ateu é ser contra preconceito, contra destruição, ser ateu é incentivar a liberdade religiosa, mesmo achando que é uma merda sem sentido. Ser ateu é ser ateu, é ser humanista secular é ser ateu.