"A pessoa certa pra mim" é essa a maneira como ela me descreveu para um cara, e depois que eu lí sobre, fiquei pensando nisso por um tempo, e esse monte de incertezas percorreram a minha mente, confesso que imaginei os próximos cinquenta anos da minha vida, e eu percebi uma coisa... Ela é a pessoa certa pra mim, não tento prever o futuro, não sou capaz de façanha tão grande, mas consigo prever um "futurinho" de alguns meses ou um par de anos e me vejo com ela, me vejo dividindo ideias com ela, me vejo lendo com ela, levando-a ao cinema, dividindo um pote de sorvete no sábado á noite, assistindo TV abraçados, me vejo olhando pra ela e me perdendo em seu rosto, enfim nos vejo felizes... E não importa se ela seja a mulher certa pra mim por um ano ou pelo resto da minha vida, porque ela sabe me fazer uma pessoa feliz e eu tento retribuí-la à altura. Somos jovens, e está aí grande parte da poesia da nossa relação complicada, ela nos ajuda a crescer e a entender como a vida funciona, e nos ajuda a imaginar um mundo um pouquinho melhor, onde um beijo signifique mais que um "Oi" e onde um olhar tem o poder de alegrar um coração solitário.