Você quer saber o que me dói? Me dói implorar pra te ter de volta e você não voltar, me dói ser a pessoa que implora e me dói, depois, por ter implorado.
É que minha bipolaridade é tão grande que eu não consigo entender se eu te quero ou não. Num momento eu desejo você aqui, nos meus braços, e um ou dois dias depois eu me chamo de estúpido e te quero longe.
O que é isso? Alguém me explica?
Isso não é amor, porque se for eu quero que pare, eu quero poder ouvir aquela música sobre o mar, sem sofrer por não poder cantá-la pra você. Eu quero minha vida de volta, eu quero você de volta!
Tá vendo, aí, eu comecei a escrever isso aqui querendo te mandar pra puta que pariu.
Qual o meu problema? Me ajuda?
Beijos, te amo... E te odeio!